Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

| October 20, 2019

Scroll to top

Top

5 Comments

Rio quer se tornar a capital da bicicleta

Uso da bicicleta como modal de transporte assume importante papel na cidade e vai ser o tema central do biciRio – 1º Fórum Internacional da Mobilidade por Bicicleta na semana do Dia Mundial sem Carro.

A cidade do Rio de Janeiro vem presenciando o crescente fortalecimento do uso de bicicleta nos últimos 20 anos, contando hoje com cerca de 4% dos deslocamentos de curta e média distância feitos por esse meio de transporte.

“Estimativas feitas por ONGs especializadas no assunto dão conta que o número de viagens/dia de bicicleta na cidade do Rio de Janeiro já ultrapassa mais de um milhão, sendo que mais de 50% desse número se dão na Região Oeste, onde a população necessita de pelo menos dois meios de transporte para se deslocar. Em mais de 75% dos casos um desses meios é a bicicleta”, relata Altamirando Fernandes Moraes, Subsecretário de Meio Ambiente do Rio de Janeiro e Diretor Executivo do Comitê Organizador do biciRio – Fórum Internacional da Mobilidade por Bicicleta.

Com o intuito de tornar-se a Capital da Bicicleta, a cidade vem investindo para isso implantando paulatinamente ciclovias na sua malha urbana que já conta com 240 km, entre ciclovias, ciclofaixas e faixas compartilhadas. Assim, hoje o município assume a liderança no Brasil em quilômetros de ciclovias construídas e a vice-liderança na América do Sul, perdendo apenas para Bogotá, na Colômbia. Além disso, dentro das diretrizes estabelecidas para a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, estabeleceu-se como meta, até 2012, chegar a 300 km de ciclovias construídas, além do incentivo à instalação de bicicletários, pontos de aluguel de bicicletas e equipamentos de apoio e a conservação das vias já existentes.

biciRio – Fórum Internacional da Mobilidade por Bicicleta- Pensando nesse extraordinário crescimento do uso da bicicleta, atrelado à recente consciência dos numerosos benefícios que a introdução desse meio de transporte traz tanto do ponto de vista ambiental e social como da mobilidade em áreas urbanas, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente do Rio de Janeiro (SMAC) promove de 25 a 27 de Setembro, no Centro Empresarial Rio, o 1º Fórum Internacional da Mobilidade por Bicicleta – biciRio.

A programação do Fórum inclui um passeio ciclístico de abertura (25 de Setembro), apresentação de palestras e trabalhos técnicos (26 de Setembro) e visitas técnicas a duas importantes ciclovias da cidade, Zona Oeste e Grajaú/Tijuca (27 de Setembro).

As inscrições estão abertas para quem deseja participar do evento como ouvinte ou ter o seu trabalho técnico sobre a bicicleta como modal de transporte apresentado entre os selecionados para o biciRio. A submissão de trabalhos e a inscrição para todas as atividades do evento são gratuitas e podem ser realizadas pelo site [www.bicirio.com.br], mas convém apressar-se porque as vagas são limitadas. Os interessados na apresentação de trabalhos tem até o dia 29 de Agosto para efetuar o envio de seu material.

. [biciRio – Fórum Internacional da Mobilidade por Bicicleta, dias 25, 26 e 27 de setembro, Rio de Janeiro, Centro Empresarial Rio. Praia de Botafogo, 228, 2º Andar – Pavimento de Convenções. .25 de Setembro – Passeio Ciclístico de Abertura, de 9 às 11h. Ponto de Encontro: Praia Vermelha, Urca. |. 26 de setembro – Agenda Técnica: palestras e apresentação de trabalhos técnicos, de 8 às 19h30h. Centro Empresarial Rio. Praia de Botafogo, 228, 2º Andar – Pavimento de Convenções. |.27 de setembro – Visita Técnica às Ciclovias da Tijuca e Zona Oeste. (O inscrito deve escolher apenas uma). Inscrições: www.bicirio.com.br |e-mail: secretaria@bicirio.com.br | http://www.facebook.com/biciRio | http://www.twitter.com.br/biciRio].

 

Fonte: Revista Fator

Comments

  1. Piter Bike

    E SÃO PAULO CONTINUA NA ESTACA ZERO >>>
    MUITO CARRO , MUITO TRANSITO E MUITA POLUIÇÃO !!!
    SAO PAULO MUITA RIQUEZA MONETÁRIA E MUITA POBREZA DE ATITUDE E QUALIDADE DE VIDA !!!

    • Cheers pal. I do apperciate the writing.

  2. Marcio

    O Rio tem tantos quilômetros de ciclovias é um absurdo. As ciclovias do Rio não servem para nada. As da Zona Sul é somente para passeios. E tem de tudo lá: caminhantes com cachorros, idosos, crianças, corredores, camelôs, pessoas paradas esperando ônibus e vans. Não tem espaço para bicicletas. O jeito é pedalar na rua. As da Zona Oeste conseguem ser piores.

    • Monica marinho

      NA zona oeste nem conservadas são, o piso está cedendo e as pessoas ficam utilizando drogas causando insegurança para quem por alí trafega.

    • Heck yeah bay-bee keep them cmnoig!

Submit a Comment

*