Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

| September 22, 2019

Scroll to top

Top

One Comment

Ciclorrota no Brooklin começa a partir da próxima semana

Trecho terá 15 km e deve ser aberto já na semana que vem; ruas não possuem tráfego intenso, informa CET

A partir da semana que vem, os motoristas que trafegam em algumas vias do Brooklin (zona sul) terão o limite de velocidade em algumas vias reduzido para 30 km/h em vez dos 40 km/h e 50 km/h atuais. 

Isso porque eles terão de dividir espaço com as bicicletas para o funcionamento da primeira rota cicloviária da capital. Ela terá 15 km, ocupará o lado direito da via e passará por trechos residenciais. 

Se o motorista for flagrado circulando acima do limite, será multado. O Brooklin é só uma “cobaia”, já que outras regiões também devem ganhar rotas específicas para as magrelas, entre elas o centro histórico da capital. 

A prefeitura informou que o trânsito não será prejudicado, uma vez que as ruas selecionadas para ser rotas de bicicletas têm tráfego local e não recebem o movimento de veículos maiores, como caminhões e ônibus. 

Estão sendo colocadas placas indicando a presença das bicicletas e pintadas faixas brancas no solo. 

A ciclorrota é diferente de outras “ciclos”. A ciclofaixa de lazer “separa” uma faixa só aos domingos. Na ciclovia, só é possível rodar com as magrelas. Na ciclorrota, estimula-se o “convívio” entre ciclistas e motoristas. Devido a isso, funcionará todos os dias da semana, 24h por dia. 

A ciclorrota do Brooklin ligará os parques do Cordeiro, na altura da avenida Vicente Rao, e Severo Gomes, perto da avenida Jornalista Roberto Marinho. 

O anúncio foi feito anteontem pelo secretário de Transportes, Marcelo Cardinale Branco, em um encontro que reuniu cicloativistas como David Byrne, ex-vocalista e guitarrista do Talking Heads. Cardinale criticou a CET, subordinada a ele. “A CET é uma empresa que tem a cultura da mobilidade através dos carros. É difícil mudar isso. Mas hoje o ambiente é mais favorável [a outros meios]“, disse à Folha de S.Paulo.

Fonte:  www.destakjornal.com.br

Comments

  1. Que legal!!!! Vou trabalhar de bike mais tranquilo!!!! Tomará que a moda pegue!!!! abs

Submit a Comment

Cancel reply

*